A Feira do Aprazível vai mudar de horário a partir de Maio

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Mensagem da semana com Pr. Eronildo Rodrigues - O QUE A BÍBLIA ENSINA SOBRE AS CHUVAS.


As chuvas de janeiro de 2016 têm trazidos muitas surpresas aos cearenses. Após vários anos de chuvas abaixo da média, e a maioria dos reservatórios secos no estado, outros com uma baixíssima porcentagem de água ocupada, chegando a níveis a muito tempo não visto antes, o cearense se alegra com a quadra chuvosa logo bem no início do ano, levando muita gente a antecipar as plantações. Principalmente após mais um diagnóstico desanimador da FUNCEME com mais um prognóstico de chuvas abaixo da média dos meses de Fevereiro a Abril de 2016 com 65% de chance disso acontecer segundo noticiou o Jornal Diário do Nordeste.

Então só temos que agradecer a Deus pelas chuvas que já banharam muitos municípios esse ano, levando açudes a tão poucos dia secos, agora sangrando ou tendo seus volumes aumentados consideravelmente. Diante da possibilidade de mais um período chuvoso abaixo das expectativas, já estamos no lucro com as chuvas que já recebemos.

Mas como nosso quadro tem sempre uma mensagem bíblica, o que nos fala as escrituras sobre as chuvas? Como podemos aprender corretamente sobre esse fenômeno da natureza essencial para a vida na terra, as chuvas?

As chuvas embora sendo por causa de diversos fatores climáticos, todos eles foram criados por Deus, as leis físicas que regem nosso universo obedecem a ordem do criador.

JÓ 36.26 Eis que Deus é grande, e nós não o compreendemos, e o número dos seus anos não se pode esquadrinhar. 27 Porque faz miúdas as gotas das águas que, do seu vapor, derramam a chuva, 28 A qual as nuvens destilam e gotejam sobre o homem abundantemente.

Por diversas vezes na Bíblia está registrado que Deus reteve a chuva como uma forma de disciplinar o povo, pela suas rebeldias e dureza de coração.

AMÓS 4.7 Além disso, retive de vós a chuva quando ainda faltava três meses para a ceifa; e fiz que chovesse sobre uma cidade, e não chovesse sobre a outra cidade; sobre um campo choveu, mas o outro, sobre o qual não choveu, secou-se.

Tudo isso nos leva a refletir será que os seres humanos hoje não merecem realmente a mesma coisa? Pois vivemos em um mundo onde a maioria das pessoas deixou Deus de fora de suas vidas, da vida de suas famílias. Cada um busca viver do jeito que gosta sem se importarem com a vontade de Deus, em viver para lhe agradar. E o resultado disso é um mundo tomado de violência, assaltos, arrombamentos, assassinatos, corrupção, degradação da moral e do caráter humano. Os valores familiares sendo banido a cada dia dos lares. Será que Deus está satisfeito com tudo isso? Claro que não.

Mas mesmo assim ele é tão misericordioso que Jesus disse que o Senhor faz com que venha chuva sobre todos. MATEUS 5. 45 Porque faz que o seu sol se levante sobre maus e bons, e a chuva desça sobre justos e injustos.

A religião e crendices populares atribuem o comando das chuvas a S. Pedro e S. José. Mas biblicamente isso não tem o menor fundamento. A Bíblia é bem clara ao dizer que
Deus é diretamente o responsável pelas chuvas e sempre foi assim e será. Muito antes da existência de Pedro ou José no Antigo Testamento já existia essas crenças de deuses responsável pelas chuvas e colheitas. O profeta Jeremias foi bem claro ao esclarecer essa questão: JEREMIAS 14.22"Por acaso existe entre os deuses falsos das nações algum que faça chover? Ou podem os céus por si mesmos produzir chuvas? Não é somente tu, ó SENHOR, nosso Deus? Portanto, esperamos em ti; pois tens feito todas essas coisas."

No livro de Salmos esse fato é demonstrado com muita propriedade: SALMOS 147.7 Cantai ao SENHOR em ação de graças; cantai louvores ao nosso Deus sobre a harpa. 8 Ele é o que cobre o céu de nuvens, o que prepara a chuva para a terra, e o que faz produzir erva sobre os montes;

Então só temos que agradecer a Deus pelo seu amor, bondade e misericórdia ao nos contemplar com essas chuvas que tem aliviado a crise hídrica no nosso estado e produzido pasto aos animais. Possibilidade dos agricultores plantarem e terem boas colheitas. Isso nos mostra o poder e a grandeza do Senhor. Em tão poucos dias tudo estava seco, a poeira subindo e de repente tudo se transforma. O verde com diversas tonalidades tinge as matas que antes pareciam não haver nenhum resquício de vida. Trazendo beleza, riqueza de vida, alimento a toda sorte de seres vivos que povoam nossas matas.

O Deus que faz essa mudança tão radical pode também mudar o seu viver, aquilo que lhe aflige. Deus é especialista em transformar desertos em pomares, vales áridos em mananciais, cenários tenebrosos em paisagens cheias de cor e vida. Ponha sua esperança no Senhor.

Louvamos a Jesus nosso único intercessor (I TIMÓTEO 2.5) que deu sua vida na cruz para nos salvar e tem nos sustentado com sua graça e misericórdia.

Pr. Eronildo Rodrigues.

* Para você que não acompanhou as edições anteriores, basta Clicar Aqui para conferi-las.

Sobre o Colunista:


Eronildo Rodrigues
Cursou Teologia no Seminário Teológico Batista do Ceará.
Atualmente é pastor da Primeira Igreja Batista em Groaíras.

Nenhum comentário:

Postar um comentário